Pages

21 de jul de 2010

Programas infantis da década de 90 que marcaram época

Depois do sucesso das postagens  sobre as séries animadas que marcaram geração e das novelas infantis que se tornaram inesquecíveis, chegou a vez de lembrarmos quais programas da televisão brasileira, exibidos ao longo da décade de 90, ficaram para sempre guardados em nossas memórias.

Caça Talentos


"Caça Talentos" foi uma série de televisão infantil brasileira, exibida pela Rede Globo, no ano de 1996 até meados de 1998. Dirigido por José Bonifácio Brasil de Oliveira (Boninho), trazia como protagonista a apresentadora e atriz Angélica, que interpretava a fadinha Bela.

Disney Club


"Disney Club" foi um dos principais programas infantis exibidos entre a segunda metade da décade de 90.  O mais famoso bordão do programa era o lema da turma que comandava o programa: "Não somos crianças. Somos ultra-jovens e merecemos respeito!" e a despedida dos integrantes: "CRUJ, CRUJ, CRUJ, Tchau!". Produzido pela Disney Channel, foi exibido pelo Sistema Brasileiro de Televisão, o SBT.

 Castelo Rá-Tim-Bum


De 1989 a 1992, Rá-Tim-Bum foi um enorme sucesso na TV Cultura. Com sua fórmula nova e inteligente, conquistou prêmios até no exterior e deu origem ao Castelo Rá-Tim-Bum (de 94 a 97, e que virou até filme) e a Ilha Rá-Tim-Bum (entre 2001 a 2004).

TV Colosso


Outra experiência inovadora, que também virou filme e conquistou não só crianças foi a "TV Colosso". Apresentada pela Globo entre 1993 e 1997, tinha bonecos de cães comandando uma hilária emissora de TV.

Glub Glub


"Glub Glub" foi originalmente exibido entre 1991 a 1998 pela Tv Cultura. O programa era focado em dois peixes, ambos chamados Glub, sendo um macho e uma fêmea. A televisão, no fundo do mar, era um dos maiores destaques do programa, pois era através dela que os personagens assistiam as animações.

X-Tudo


"X-Tudo" foi exibido originalmente pela Tv Cultura, a partir de 1992.  Seu formato, transmitia informações de uma maneira clara e rápida, colaborando para a boa qualidade dos programas destinados ao público infantil da emissora durante o inicio da década de 90.

Agente G


"Agente G", exibido pela Rede Record , foi criado e estrelado pelo ator Gerson de Abreu, e exibido entre 1995 e 1997. A série contava as aventuras do Agente G, interpretado por Gérson de Abreu, membro da organização GELO  (Grupo Especial pela Lei e a Ordem), contra os planos da COISA (Central Odiosa de Inimigos Safados e Abomináveis), uma organização do mal.

Programa Sérgio Malandro


Após sua saída da Rede Globo, em 1994, Sérgio Mallandro retornou ao SBT e comandou até 1996 o infantil “Programa Sergio Mallandro”.

Programa Mariane


Mariane fez a abertura de alguns shows da Xuxa, antes de chegar ao SBT em 1989 para substituir Simony no comando do programa Do Ré Mi Fa Sol La Simony, que passou a levar seu nome no título. Ainda no SBT, a apresentadora ganhou um programa com sua "cara", o "Programa Mariane", mas que ficou apenas 1 ano no ar.


Show Maravilha



O SBT exibia o programa "Show Maravilha", que trazia Mara Maravilha comandando  brincadeiras com o auditório, recebendo convidados e atrações musicais. No palco, a apresentadora cantava suas próprias canções, apresentava suas coreografias e anunciava a exibição de videoclipes e desenhos animados.

XuXa Park


 "Xuxa Park" estreou em 1994 nas manhã das Rede Globo. A atração era baseada no programa homônimo apresentado por Xuxa na Espanha que reunia quadros, brincadeira, e atrações. Sua exibição era aos sábados e tinha direção geral de Marlene Mattos.

Bom Dia & Cia



O "Bom Dia & Cia" estreou no SBT em 1993, sob o comando da apresentadora Eliana. A loira contava com  Flitz, um computador.O programa a princípio, tinha como cenário uma casa, e seu formato era educatico. No ano seguinte, com um pequeno aumento no cenário Eliana passa também a ter a companhia de Melocotom.

Mundo da Lua


O seriado "Mundo da Lua", exibido originalmente em 1991 e 1992 pela Rede Cultura,  apresentava Lucas Silva e Silva, um garoto que ganhou um gravador de seu avô paterno ao completar dez anos. Em meio aos problemas típicos da passagem da infância para a adolescência, Lucas cria no gravador histórias a partir de como gostaria que as coisas fossem.

Rá-Tim-Bum


"Rá-Tim-Bum" foi um programa infantil de grande sucesso produzido pela Tv Cultura de 1989 até meados de 1992. Com uma fórmula arrojada, com quadros livres, inovou a programação infantil, ainda presa de fórmulas estereotipadas. Ganhou vários prêmios, entre os quais a Medalha de Ouro no Festival de Nova York.

Cocoricó


No ano de 1997, a Tv Cultura lança o seriado com bonecos, Cocoricó. Na série, Júlio é um menino de 8 anos que nasceu na cidade grande. Ele vai passar as férias com seus avós e se apaixona pela Fazenda Cocoricó, que fica na cidade de Cocoricolândia, seus animais e pela natureza que não conhecia na cidade.

 Obrigado pela contribuição, @MatheusSarabion

No cinema e na TV: Vídeos que estão dando o que falar

5) Taylor Lautner revela que fãs brasileiros são agressivos 
 

O ator Taylor Lautner, o Jacob da saga "Crepúsculo", em entrevista ao apresentador David Letterman, que comanda o programa americano "Late Show", revelou que considera os fãs brasileiros muito agressivos. O ator veio até o Brasil, no ano passado, para divulgar a segunda parte da saga, intitulada "Lua Nova". Para "Jacob", os fãs são agressivos e gostam de contato físico: "(..) chegamos ao aeroporto e nos agarraram pelas pernas e braços. Tivemos que andar com eles em cima de nós até o carro". 
 
4) Teaser do filme sobre a vida de  Bruna Surfistinha


Dirigido por Marcus Baldini, em fevereiro do ano que vem, estreia o filme inspirado no livro "O Doce Veneno do Escorpião", autobiografia da ex-garota de programa Raquel Pacheco, mais conhecida como Bruna Surfistinha. No elenco, Débora Seco dá vida a garota de programa e aparece com os cabelos loiros e com os seios quase à mostra , além de  cenas muito ousadas. Outros atores no elenco: Drica Moraes e Cássio Gabus Mendes.

3) Filme Paródia da saga Crepúsculo

Estreia no mês que vem, "Vampires Suck", no Brasil, intitulado como "Os vampiros que se mordam". O filme é uma sátira de filmes com vampiros, especialmente da saga "Crepúsculo". Na trama, Becca é uma não-vampira adolescente dividida entre dois garotos. Antes de fazer sua escolha deve lidar com seu pai controlador e os dilemas românticos de seus amigos. Todos esses problemas colidem no dia de sua formatura.  O filme ainda "tira uma onda" com Alice, de Tim Burton.

2) #LegendáriosFail: Fracasso total no programa de Marcos Mion



Um Internauta reuniu, num único vídeo, o discurso de Marcos Mion para apresentar o "Legendários" (Record) -na coletiva de lançamento e no dia de estreia da atração- com imagens do que realmente vai ao ar. Pregando trabalhar por um programa "original, inovador e de entretenimento; não é de humor", o ex-apresentador da MTV foi desmascarado por essa edição que mostra que ele ficou devendo o "novo conceito na linguagem televisa" que tanto dizia que levaria para TV. (Essa notícia é original do site Uol).

1) Caso Bruno: Entrevista exibida pelo Fantástico



Caso goleiro Bruno: O programa "Fantástico", da Rede Globo de televisão, mostra imagens do momento em que Bruno e Macarrão eram levados para o aeroporto e a decolagem no avião, onde estavam acompanhados por agentes penitenciários e policiais.
Notícia completa: Site Fantástico

17 de jul de 2010

VMB 2010: Confira as categorias e indicados

 O MTV Video Music Brasil, VMB, acontece todos os anos e é uma premiação musical realizada pela MTV Brasil. Sua primeira edição ocorreu em 1995, com o objetivo de premiar os melhores vídeos de clipes e artistas que se destacaram no gênero musical,  além das músicas mais executadas no ano. Com o passar dos anos, o VMB  foi expandindo suas categorias, premiando também, além de artistas do meio musical, aqueles que mais de destacaram no gênero "Games", "melhor Webstar", que premiará a mais influente personalidade da internet,  além do sucesso de "Melhor webhit".
A MTV transmite o VMB 2010, no dia 16 de setembro, às 22 horas, direto do Credicard Hall, em São Paulo. Assim como no ano passado, o VJ escolhido para comandar a premiação foi Marcelo Adnet. 


Para escolher seus favoritos, vote clicando aqui.


Categorias e indicados

Artista do ano
Otto
Fresno
Restart
Nx Zero
Sandy
Pitty
Mallu Magalhães
Capital Inicial
Skank
Arnaldo Antunes

Clipe do ano
Skank - Noites De Um Verão Qualquer
Mombojó - Pa Pa Pa
Nx Zero - Só Rezo
Mallu Magalhães - Shine Yellow
Marcelo D2 (c/ Zuzuca Poderosa e DJ Nuts) - Meu Tambor
Capital Inicial - Depois Da Meia-Noite
Vespas Mandarinas - Sem Nome
Diogo Nogueira - Tô Fazendo a Minha Parte
Restart - Recomeçar
Cine - A Usurpadora

Show do ano                                               
Otto
Pitty
Arnaldo Antunes
Capital Inicial
Nx Zero

Hit do ano
Restart - "Levo Comigo"
Nx Zero - "Só Rezo"
Skank - "Noites De Um Verão Qualquer"
Sandy - "Pés Cansados"
Pitty - "Fracasso"

Revelação
Restart
Hori
Hevo 84
Replace
Karina Buhr

Aposta
Flora Matos
The Name
Apanhador Só
Unidade Imaginária
Thiago Petit

Aposta internacional
Janelle Monáe
Darwin Deez
School of Seven Bells
Big K.R.I.T.
Toro y Moi

Rock
Pitty
Capital Inicial
Glória
Nx Zero
Strike

Pop
Mallu Magalhães
Sandy
Fresno
Lulu Santos
Restart

MPB
Otto
Diogo Nogueira
Céu
Cidadão Instigado
Lucas Santtana

Rap
Kamau
Ogi
Rincon Sapiência
Lurdez da Luz
MV Bill

Música eletrônica
Gui Boratto
Killer On The Dancefloor
Zemaria
Database
Boss in Drama

Artista internacional
Paramore
Black Eyed Peas
Green Day
Justin Bieber
Tokio Hotel
Jay-Z
Ke$ha
Katy Perry
Lady Gaga
Beyoncé

Webstar
PC Siqueira
Felipe Neto
Mystery Guitar Man
Katylene
O Criador

Game
God Of War III
Super Mario Galaxy 2
Batman Arkham Asylum
Red Dead Redemption
Call of Duty: Modern Warfare 2

Webhit
Cala Boca Galvão - Save Galvão Birds Campaign

Justin Biba - Paródia Justin Bieber (Música Baby)


Puta Falta de Sacanagem


Zeca Camargo bocejando no Fantástico (06/06/2010)
 

Dunga em Um Dia de Fúria!

Programas traídos pelos seus próprios títulos

Tipo assim....O nome não tem nada a ver!!!

Hoje vamos conhecer, dentre os programas e novelas da televisão brasileira, sejam eles, do passado ou recente, quais os que pecaram no quesito "Nome da atração". Vale destacar que existem muitos outros programas e novelas que também foram traídos pelos seus próprios títulos, mas os que serão aqui mencionados,  mereceram nossa atenção.
Sessão de filmes exibida aos domingos pelo SBT, “8 e meia no cinema” era alvo de piadas até do apresentador Silvio Santos. Foi criada em 2006, respeitando o horário indicado no nome da atração. A partir de 2007, começou a ser exibida com mais de duas horas de atraso. Silvio Santos, em seu programa, brincava com as colegas de trabalho e perguntava: “Que horas começa 8 e meia no cinema?” e a galera respodia: “Dez e meia”. O apresentador retruca va dizendo: “Essa emissora é uma bagunça!”.


Tudo bem que na estreia, o folhetim trazia a história de jovens que frequentavam uma academia. Aí sim, o nome “Malhação”. Mas, após quatorze anos, mesmo com o sucesso de audiência e público, convenhamos, o título da novela global não condiz em nada com seu roteiro. Nem a academia tem mais...

Gugu Liberato, em meados de 1991/1992, comandava a atração “Sabadão Sertanejo” no SBT. Com exibição no horário nobre da emissora, por volta das 21h, inicialmente, o programa trazia apenas atrações musicais no estilo “country brasileiro”, apresentando músicas sertanejas “de raízes”. Após menos de um ano, o programa começou a receber artistas de todos os ritmos musicais. Com isso, o sertanejo ficou em segundo plano. O apresentador começava o programa dizendo: “Está no ar o Sabadão Sertanejo” e , em seguida, anunciava: “E hoje no programa, ET e Rodolfo, É o Tchan, Art Popopular”. Tudo a ver, não? Só depois de muito tempo, resolveram trocar "Sabadão Sertanejo" por "Sabadão".


"Náu! Para tudo! Produção!" Podem até falar que “A Luciana é Super, a Luciana é Pop”, mas convenhamos, o programa de Luciana Gimenez, na Rede TV!, não tem nada de “Superpop”. Em 1999, quando a atração estreou na emissora, sob comando de Adriane Galisteu, aí sim, trazia atrações musicais, entrevistas inteligentes, condizendo com o nome do programa. Hoje em dia, a atração virou uma espécie de programa de sensacionalismo, de barracos e pautas extremamentes “Anti-SuperPop”. Geyse Arruda lançar sua grife de roupas é SuperPop? Mulher quer descobrir quem é a amante de seu marido é SuperPop? Sônia Abrão dizendo pra quem ela “abre a porta” (não ria, esse é um quadro da atração) é SuperPop? Sei....


Comandado por Datena, na rede Bandeirantes de televisão, "Brasil Urgente" estreou em 2001, com o objetivo de continuar no estilo de sua antiga atração na Rede Record, trazendo muito sangue, violência entre outras “coisinhas” que acontecem em todo país. Porém, atualmente, a atração traz sim, muita violência, tiros e sangue, mas, mesmo sendo exibida para todo o país, concentra mais de 90% de seu tempo apenas em São Paulo. Ora bolas, não era “Brasil Urgente?” que mude para “São Paulo Urgente”, então.



Exibido desde 1991 na Rede Record, o programa de caráter religioso, “Fala que eu te escuto”, veio com a proposta de ser uma espécie de auto ajuda para pessoas que estavam passando por dramas familiares. A atração, desde o início, é comandada por bispos da Igreja Universal do Reino de Deus, que recebem ligações e ouvem as opiniões dos telespectadores a respeito de uma determinada enquete....Mas não era pra ser auto ajuda? Tipo, os bispos dando conselhos para o público e não o público dando sua opinião aos bispos? Sem comentar o nível das enquetes....:“Você gostou da vitória de Karina Bacchi no reality ‘A Fazenda’?” “Por que será que as mulheres colocam mais silicones nos seios do que no bumbum?”


Outra atração apresentada por Gugu Liberato, o “Viva Noite”, foi exibida entre os anos de 1983 e 1994. O programa era sucesso de audiência nas noites de sábados do SBT, trazendo atrações musicais e gincanas entre homens e mulheres, além de quadros como o concurso do “Rambo Brasileiro e o “Sonho Maluco”. Até aí, tudo bem. Em 1993, Gugu começa a pressionar Silvio Santos para ter um programa aos domingos. Adivinhem qual programa foi exibido, então, aos domingos, em pleno horário de almoço, exatamente ao meio-dia? Sim! “Viva a Noite”. Era muito cômico ouvir o apresentador do pintinho amarelinho gritar: "Viva, Viva, Viva a noite" no estúdio, e lá fora, o sol irradiante!



A novela “Caminhos do Coração”, exibida em 2007 pela Rede Record, não trazia nada, nem de “caminho”, nem de “coração”. Desde o início da trama, o que víamos eram formigas mutantes, lobisomens, vampiros, aranhas, lagartixas (Ops, essa eu acho que inventei) e outras coisas bizarras. O nome da novela era tão “nada a ver” que, em 2008, acharam melhor colocar a palavra “MUTANTES” junto a “Caminhos do Coração” para ver se melhorava um pouco.....Melhorou?

“Para, para, para, para” E quem nunca se irritou com o apresentador João Kléber? Nas tardes da Rede TV!, o apresentador comandava a atração “Canal Aberto”, uma mistura de programa “Márcia” (Band), com “Programa do Ratinho”(Sbt) e “Casos de Família”(Sbt). No palco, o apresentador trazia as mais diversas situações que podiam ocorrer no dia a dia: testes de DNA, brigas entre famílias, desconhecida quer provar que tem filho com famoso, e por aí vai. Com o passar do tempo, o programa “Canal Aberto” virou “Tarde Quente” e continuou abordando a mesma linha de atrações. Aos poucos, foram implantando as famosas “Pegadinhas” no programa. As “combinadinhas” fizeram tanto sucesso que tomaram conta do programa todo. Por mais de duas horas seguidas, João Kléber soltava aquelas falsas risadas irritantes e narrava as situações vividas pelos “atores” que tentavam fazer com que as pessoas “caíssem” na brincadeira (nada que R$ 50,00 resolvessem....). Tarde quente? Por que "quente"? “Morríamos” tanto de rir que sentíamos tanto calor? E outra, a atração acabava às 19h30. Era “tarde” de período vespertino ou “tarde” de “tarde da noite?” Vai entender....


A Pícara era sonhadora; a Betty era feia; A pequena,travessa; A Maria era do Bairro; A Gata selvagem...e Pedro, era escamoso por quê? Ele tinha cara de peixe por acaso? Para quem não se lembra, “Pedro, o escamoso” é uma novela colombiana e foi exibida pela Rede TV! em 2004. Tudo bem que lá na Colombia, “escamoso” é utilizado para definir uma pessoa que tenta ser algo que, de fato, não é - alguém que, por exemplo, veste roupas finas para parecer mais rico ou conta mentiras "inofensivas" no intuito de conseguir o que deseja. Isso, lá na Colômbia. Por que não deram um adjetivo melhor para o pobre coitado do Pedro, aqui no Brasil? Sei lá, “Pedro, o malandro” ou “Pedro, o picareta”. Escamoso é melhor?(Agradecimento especial para @MatheusSarabion que contribuiu neste tópico do post)

11 de jul de 2010

As melhores estreias - Cinema - Agosto/2010


 O APRENDIZ DE FEITICEIRO

Sinopse: Balthazar Blake (NICOLAS CAGE) é um mestre feiticeiro dos dias atuais, morador de Manhattan e tenta defender a cidade de seu arqui-inimigo, Maxim Horvath (ALFRED MOLINA). Balthazar não é capaz de fazer isso sozinho, então ele recruta Dave Stutler (JAY BARUCHEL), um rapaz de aparência comum que demonstra potenciais ocultos, como seu relutante protegido, dando a ele um curso rápido na arte e ciência da magia. Juntos, a improvável dupla precisa deter as forças da escuridão. Será necessária toda a coragem que Dave pode reunir para sobreviver ao seu treinamento, salvar a cidade e ficar com a garota quando ele se torna O Aprendiz de Feiticeiro.


A ORIGEM
Sinopse: Dom Cobb (DiCaprio) é um ladrão habilidoso, o melhor de sua geração, que extrai segredos valiosos das profundezas do inconsciente durante o sono com sonhos, quando a mente está mais vulnerável. Sua rara habilidade o tornou peça fundamental no traiçoeiro mundo da espionagem industrial, mas também o tornou um fugitivo internacional e o fez perder tudo o que mais amava. Pela primeira vez, Cobb tem sua chance de se redimir, em um último trabalho que pode dar-lhe sua vida de volta se ele conseguir o impossível: ao invés de roubar informações da mente, ele terá de criar novas. Cobb e sua equipe terão de plantar um pensamento. Se eles conseguirem, será o crime perfeito.


OS MERCENÁRIOS

Sinopse: 'Os Mercenários' conta a história de um trio de mercenários descartáveis, enviados para se infiltrar em um país da América do Sul e lutar contra seu cruel ditador para libertar a população do local. Juntos eles possuem uma marca, a tatuagem The Expendables.



REC 2

Sinopse: Sequência de [REC], o filme de terror que conquistou público e crítica em 2008 e que reinventou o gênero. Os maiores horrores voltam a ser registrados no mesmo prédio onde dezenas de pessoas foram brutalmente assassinadas.


KARATÊ KID

Sinopse: Dre Parker (Jaden Smith) é um garoto de 12 anos que poderia ser o mais popular de Detroit, mas a carreira de sua mãe acaba os levando para a China. Imediatamente, Dre se apaixona pela sua colega de classe Mei Yin, mas as diferenças culturais tornam essa amizade impossível. Pior ainda, os sentimentos de Dre fazem com que o brigão da sala e prodígio do kung fu Cheng torne-se seu inimigo. Sem amigos numa nova cidade, Dre não tem a quem recorrer exceto o zelador do seu prédio Mr. Han (Jackie Chan), que é secretamente um mestre do kung fu. À medida que Han ensina Dre que o kung fu é muito mais que socos e habilidade, mas sim maturidade e calma, Dre percebe que encarar os brigões da turma será a aventura de uma vida.


DESTINOS LIGADOS

Sinopse: Três mulheres vivem histórias diferentes e ao mesmo tempo ligadas por um único tema: a adoção. Elizabeth (Naomi Watts) é uma advogada inteligente e bem-sucedida que usa seu corpo para conseguir o que quer, e é através do seu charme que ela inicia um romance com o chefe (Samuel L. Jackson). Karen (Annette Bening) é uma profissional da saúde, muito sensível e amável, mas que esconde este seu jeito humano e vive amargurada. Isso porque ela engravidou aos 14 anos, entregou a filha Elizabeth para adoção há quase 40 anos e não supera a dor por ter tomado esta decisão. Lucy (Kerry Washington) é uma mulher casada que não consegue engravidar e resolve recorrer à adoção para ter a família que tanto deseja.


O ÚLTIMO MESTRE DO AR

Sinopse: Há muito tempo atrás, o mundo era dividido em quatro grupos: Nação do Fogo, Tribo da Água, Reino da Terra e Nômades do Ar. Essas nações viviam em perfeito equilíbrio, até o dia em que a Nação do Fogo atacou. O Avatar, mestre dos quatro elementos, é o responsável por manter o equilíbrio do mundo e quando o mundo mais precisou, ele desapareceu. Cem anos após esse acontecimento, dois jovens da tribo da água do sul encontram o avatar, um habilidoso dominador de ar chamado Aang.


PAR PERFEITO

Sinopse: Jen (Katherine Heigl), conhece o homem perfeito. Seu nome é Spencer (Ashton Kutcher), ele é bonitão, educado e inteligente. Mas o que Jen não sabe, é que Spencer ganha a vida como matador de aluguel, contratado pelo governo. Eles vivem o casamento dos sonhos até que em uma bela manhã, o casal descobre que Spencer é o alvo de um golpe milionário. O que parecia ser um Par Perfeito transforma -se num jogo de vida ou morte, enquanto eles tentam lidar com sogros, sogras, casamento, manter as aparências e ainda sobreviver.



Jonah Hex – Caçador de Recompensas

Sinopse: 'Jonah Hex – Caçador de Recompensas' mostra a história de Jonah (Josh Brolin), um caçador de recompensas andarilho marcado por seu rosto desfigurado, um atirador durão e cínico que consegue localizar qualquer pessoa e qualquer coisa. Além de ter escapado da morte, Jonah tem uma história de vida violenta, cheia de mitos e lendas que o deixaram com um pé no mundo real e outro no ‘outro lado’. Sua única ligação dentre os humanos é Leila (Megan Fox), cuja vida em bordéis também lhe deixou cicatrizes profundas.Mas o passado de Jonah está prestes a alcançá-lo quando o exército americano lhe faz uma proposta irrecusável: em troca de anistia, ele precisa encontrar e deter o perigoso terrorista Quentin Turnbull (John Malkovich). Turnbull, que está reunindo um exército e se preparando para abrir as portas do inferno, também é o mais antigo inimigo de Jonah e não vai parar até vê-lo morto.


OBS: As sinopses são originais dos sites: globo.com; uol.com.br; cinepop.com.br.

2 de jul de 2010

Novelas Infantis que marcaram época

 O SBT é a emissora brasileira que mais exibiu novelas voltadas ao público infantil. Ao longo de mais de três décadas, várias novelas já passaram por lá e, as da linha infantil, sempre foram alvos de críticas e de muitos sucessos. Chiquititias, Carrossel, Diário de Daniela, Carinha de Anjo, Chispita entre outras, querendo ou não, marcaram uma geração e são lembradas até hoje. Não há quem não tenha se emocionado com a delicadeza e dedicação da professora Helena, ou  viajado junto com Daniela em seu diário, ou tenha arriscado cantar um "Mexe, mexe com as mãos", ou ainda, tenha dado boas gargalhadas com a pequena Dulce Maria e sua fala: "Papitooooo".  Vamos relembrar as sinopses e conferir os clipes das novelas....

 VOVÔ E EU


“Vovô e eu” foi exibida em 1992 e contava a história de Alejandra e Daniel, duas crianças que viviam em dois mundos totalmente diferentes, mas que se mantinham unidos através de seus sonhos e amizades. Alejandra é uma menina muito rica, morava com seus pais e vivia numa espécie de “conto de fadas”. Já Daniel, ficou órfão muito cedo e passou a viver nas ruas, pois não conhecia seus parentes. A Única coisa que o menino sabia era que seu avô não havia aceitado o fato de ter um neto.

ALEGRIFES E RABUJOS


“Alegrifes e Rabujos” teve sua exibição em 2004, na tela do SBT, e contava a história de Sofia, uma pequena garota que vivia em uma mansão que era alvo de comentários de toda a vizinhança, pois a casa, segundo a lenda, pertencia a um milionário que havia falecido há muitos anos, mas seu espírito, afirmavam alguns, continuava vivo na mansão.

AMY, A MENINA DA MOCHILA AZUL





Exibida em 2004, “Amy, a menina da mochila azul” trazia como enredo a história do Capitão Matias e sua esposa Perla que encontraram uma linda garota flutuando no mar, após ter acontecido um grande furacão na cidade. O casal resolve cuidar daquele bebê e assim, formam uma família perfeita. Tudo ia muito bem, até que, num certo diamuito chuvoso, o barco de Matias foi capturadp por uma tempestade horrível. Perla, percebendo que estava morrendo, pede para Matias nunca abandonar a pequena Amy.

CARINHA DE ANJO



"Sim Pirilim!" Quem não se lembra dessa novela? “Carinha de Anjo” foi uma das novelas infantis de maior sucesso. Exibida em 2001, trazia como protagonista a pequena Dulce Maria, uma garota de 5 anos, cheia de alegrias e bons sentimentos. Após o falecimento de sua mãe, seu pai, Luciano Larios, entrou em depressão e em tristeza profunda, decidindo ficar longe de tudo e de todos. Foi aí que, então, a pequena Dulce foi internada em um colégio de freiras, denominado “Rainha da América”, lugar no qual conheceu duas freiras que se tornam suas fiéis escudeiras...

CARROSSEL


 "Carrossel" foi exibida, pela primeira vez no SBT, em 1991. A novela já teve 4 exibições na emissora e sempre fez muito sucesso. Possuia 375 capítulos e trazia como enredo a história de uma turma de crianças que estavam descobrindo os pós e contras da vida, procurando, de certa forma, resolver os problemas, sempre com atenção e muita alegria. Marcou época e criou personagens inesquecíveis, como Maria Joaquina, Cirílo e Jayme Parillo, além, é claro, da admirável Professora Helena. Destaque: Foi a primeira novela estrangeira a concorrer ao “Troféu Imprensa”, na categoria de melhor novela do ano.

CARROSSEL DAS AMÉRICAS


Após o sucesso de “Carrossel”, a continuação da novela, intitulada “Carrossel das Américas” trouxe novamente de volta, a boa e admirável professora Helena, porém, agora com novos alunos e novos desafios, sempre ensinando os valores e a boa conduta a seus alunos. Foi produzida em 1992 pela Televisa e exibida no SBT em 1996.

VIVA AS CRIANÇAS


Versão mais recente da novela “Carrosel”, “Viva as crianças” foi exibida em 2003 e continuou sendo sucesso de audiência, porém, não conseguiu alcançar o sucesso estrondoso da primeira versão. A história contava as aventuras de um grupo de crianças do colégio “Pátria Unida”, matriculadas na segunda série do ensino fundamental. A professora, não era mais “Helena”, mas sim, Lupita. Nomes diferentes, mas personagens totalmente similares. Destaque da novela para a professora de música, Segismunda Verruguinha, que sempre era vítima das travessuras dos alunos.             
CHISPITA    
“Chispita” teve sua primeira exibição no SBT em 1983 e foi a novela infantil com mais reprises da emissora: no total, foram ebidas sete vezes. Na história, Maria Luisa e seus marido sofrem um terrível acidente de carro que provoca o acidente do homem. Por causa do acidente, Maria perde totalmente sua memória e nem se quer lembra da existência de sua filha Isabel, que acaba se tornando órfã e levada para o orfanato de Padro Eugênio, local onde a garota cresce.        
          SERAFIM              
    
“Serafim” contava a história de um anjo bom caráter, feito em tecnologia digital. Serafim foi enviado para viver na terra para que ele pudesse aprender a ser um verdadeiro anjo da guarda. A novela foi exibida no Brasil em 2001.       
CHIQUITITAS              
“ Mexe, mexe, mexe com as mãos”....”Chiquititas” foi uma produção do SBT , em parceria com a rede argentina TeLeFe que, durante cinco anos, a partir de 1997, exibiu a versão nacional da novela. O folhetim foi sucesso de público, virou febre nacional com suas histórias e músicas, além de ser considerada como uma “vitrine” de novos talentos. O enredo, mostrava a vida de crianças órfãs que residiam em um orfanato, denominado “Raio de Luz”.           
CÚMPLICES DE UM RESGATE                
     
“Cúmplices de um resgate” foi um grande sucesso protagonizado pela atriz e cantora Belinda. A novela foi exibida no horário nobre, em 2002 e nas tardes do SBT, em 2006. Na história, Belinda interpretava as gêmeas Mariana e Silvana que não se conheciam e viviam em mundos opostos. Silvana vivia em uma mansão luxuosa com seu pai, Orlando, e sua mãe, Regina, uma mulher ambiciosa e nada agradável. Já Mariana, uma menina muito simples e que cantava muito bem, morava com a tia e a vó, além da sua mãe, uma costureira bem simples. Vale destacar que um ponto baixo da novela foi a substituição de Belinda pela atriz Daniela Luján.        
GOTINHA DE AMOR                
“Gotinha de Amor” foi exibida em 2001  e trazia a história de Belinha, uma criança cheia de vida e que procurava contornar as tristes situações que passava, sempre com um sorriso no rosto. Vivia em um orfanato e possuia a amizade de apenas uma pessoa: a velha Trini. No orfanato, Belinha era maltratada pela diretora e, quando Trini falece, a garotinha foge, em busca de um novo lugar para se estabelecer.      
LUZ CLARITA             
“Luz Clarita” é um remake de “Chispita” e foi exibida no SBT em 1996. No papel principal, está a atriz e cantora Daniela Luján. Após perder sua avó, Luz Clarita vai morar em um orfanato e vive aos cuidados das freiras do local. Mariano De La Fuente vai até o orfanato, em busca de uma garotinha que possa fazer companhia para sua filha, que sofria com a morte da mãe. Então, Mariana resolve adotar Luz Clarita e a leva para casa, porém, sua filha não gosta da presença menina em seu lar. 
POUCAS, POUCAS PULGAS    
“Poucas, poucas pulgas” teve sua exibição em 2004 no horário nobre do SBT. A história girava em torno de Julián, Danilo e Alexandra, que foram denominados como “três corações nobres e cheios de amor”. A novela estreou com 17 pontos de audiência e, mesmo com as inúmeras mudanças no horário, marcava médias de 9 pontos no ibope.              
O DIÁRIO DE DANIELA                
O “Diário de Daniela” mostra as aventuras de um grupo de amigos liderados por Daniela Monroy (de 10 anos) que além de cativar a todos, tem um diário onde escreve todos os seus sonhos, segredos e principalmente aventuras. Sem falar que Daniela tem um amigo fantasma que a ajuda nos momentos mais difíceis. As histórias geralmente estavam no limite entre o real e a fantasia, o que tornava a novela extremamente chamativa para as crianças. Foi exibida em 2000  e em 2007 pelo SBT.
 
Powered by Blogger